SOBRE A ABEN GOIÁS

A Associação Brasileira de Enfermagem - Seção Goiás foi a primeira associação da área de saúde em Goiás. Em 14 de maio de 1948 foi criada com o nome de Associação Brasileira das Enfermeiras Diplomadas (ABED – Seção Goiás). A iniciativa foi de um grupo de enfermeiras de Goiânia diplomadas da Escola de Enfermagem São Vicente de Paulo (EESVP), sob a inspiração da irmã Mônica de  Lima, diretora da mesma. Sua criação coincidiu com as celebrações da Semana Brasileira de Enfermagem daquele ano.

O pioneirismo das ‘Irmãs Filhas de Caridade’ se destacou nesta história assim como as marcas deixadas pela influencia da Escola Ana Néri.  As sócias fundadoras desta seção foram Mônica de Lima, Maria Luiza Breyer, Izabel Cardoso Gomes Pinto, Aparecida Maria Jesuíno de Souza, Marianinha Araújo Vale, Ítala Signates Novais, Maria de Lourdes Ortiz Curado, Maria de Lourdes Moteiro, Maria Batista Lima, Enza Blandina Ferraira e Maria Margarida Neiva.
A primeira eleição ABED-Go e reunião de número um aconteceram  na Secretaria do Hospital São Vicente de Paulo.  Nesta ocasião registrou-se as presenças do Secretario de Saúde do Estado de Goiás, do presidente da Legião Brasileira de Assistência, de outras autoridades civis e eclesiásticas e de estudantes da Escola São Vicente de Paulo.


PANORAMA DOS FATOS MARCANTES DA ABEn-Go 1948-2004

1948 a 1952

Grande empenho para o reconhecimento da EESVP como de nível superior
Criação do Jornal ‘Ideal’ para divulgar as notícias entre as associadas e outras entidades de saúde que surgiam
Preocupação constante com o crescimento educacional e moral da categoria
Estimulo à participação dos associados em Congressos Brasileiros de Enfermagem

1953 a 1956

Discussão da mudança do curso de enfermagem para quatro anos
Proposta do exame  vestibular como instrumento de seleção de candidatos ao curso de enfermagem
Primeiras discussões sobre a criação de um Conselho de Classe da Enfermagem

1957 a 1958

Criação do distrito da ABEn-Go em Anápolis
Discussão para criação do Sindicato dos Enfermeiros
Aprovação de um ‘fundo cultural’ para propriciar a vinda de conferencistas para os eventos científicos
Encaminhamento de proposta de tabela de honorários para enfermeiros e auxiliares aos diretores de hospitais

1959 a 1963

Primeira visita de presidente da ABEn Central a Goiânia à época Marina Rezende
Empenho para que enfermeiras goianas fossem realizar cursos de Saúde Publica no Rio de Janeiro
Contribuição para o grande destaque das enfermeiras goiana na profilaxia da Tuberculose
Colaboração na revisão de curriculos e programas de ensino das Escolas de Enfermagem de Anápolis, de Goiânia e de Rio Verde

1964 a 1967

Realização do primeiro curso promovido pela ABEn-Go : Psicanálise e Educação Sexual
ABEn-Go é reconhecida como de utilidade pública Lei Estadual no. 6.642 de 30/06/1967, na gestão do governador Otávio Lage

1967 a 1969

Continua a luta por qualificação e maior participação social do enfermeiro
Participação no movimento de Saúde Pública, intitulado Fundo Internacional de Socorro à Infancia (FISI)

1969 a 1971

Luta pela valorização da enfermagem com ênfase na diferenciação das categorias
Campanha para angariar fundos para a construção da sede da ABEn-Nacional

1971 a 1973

Papel protagônico na criação do COREN-Go, presidindo-o e sediando-o até que o mesmo pudesse ter sua própria diretoria
Primeiro trabalho de Goiás enviado para publicação na Revista Brasileira de Enfermagem (REBEn) intitulado Necessidades de Enfermagem em Goiás de autoria da enfermagem Thael P. Machado

1974 a 1984

Aquisição da sede própria no edificio Minas Bank
Luta por isonomia salarial
Contribuição na qualificação dos atendentes de enfermagem
Participação em promoções educativas para a saúde e campanhas de vacinação
Parcerias com a Fundação SESP e OSEGO em ações educativas

1984 a 1986

Estreitamento das relações entre universidades e comunidades
Participação em campanhas de reidratação oral
Liderança na mudança na formação de atendente para auxiliar de enfermagem
Apoio às lutas empreendidas pelo trabalhadores do INAMPS

1986 a 1989

Primeira gestão do  Movimento Participação
Criação da Associação pro Sindicato junto as Enfermeiras do Hospital das Clinicas
Obtenção da carta Sindical criando o Sindicato de Enfermeiros em Goiás (SIEG)
Promoção de debates e seminários em torno do acidente radioativo em Goiânia
Criação da divisão de enfermagem do  Sistema Único Desentralizado de Saúde (SUDS) em Goiás
Participação na formulação do Plano de Cargos e Salários do SUDS
Participação intensa no Movimento de Reforma Sanitária
Luta pela reabertura do Hospital Geral de Goiânia (HGG)
Representação da ABEn-GO acompanhando as votações na constituinte de 1988
Primeiro Encontro de Profissionais de nível médio
Apoio ao movimento de greve dos servidores da saúde em Goiás

1989 a 1992

Segunda gestão do Movimento Participação
Continuidade da luta para quebra de influência de multinacionais nos eventos da enfermagem
Primeiro Forum de Entidades de Enfermagem
Primeira Jornada Goiana de Enfermagem
Primeiro Encontro de Enfermagem da Região Centro Oeste
Inicio da luta por maior democracia no Sistema Coren/Cofen
Luta em defesa das 30 horas semanais

1992 a 1995

Terceira Gestão do movimento participação
Inicio da participação dos enfermeiros nos Conselhos de Saúde
Participação efetiva na 9ª. Conferencia Nacional de Saúde
Participação na composição da diretoria da ABENnacional
Realização do 47ª. congresso brasileiro de enfermagem com o tema “o poder (IN)visivel da enfermagem’
Participação na elaboração do Plano de Cargos e Salários da Enfermagem para a  Prefeitura Municipal
1995 a 1998
Aquisição e estruturação da nova sede no edificio. Aquarius Center
Organização do acervo da ABEn-go por bibliotecaria
Integração continua com as escolas de enfermagem
Participação efetiva nos Conselhos de Saude

1998 a 2001

Curso de Especialização sobre Enfermagem do Trabalho, convênio ABEN/UCG
Atuação efetiva nos Conselhos de Saude
Apoio aos centros acadêmicos de enfermagem na realização de eventos
Participação efetiva no projeto acolher sobre atenção ao adolescente , iniciatiiva da ABEN nacional
Incentivo e apoio aos trabalhos de conclusão de curso de graduação e outros sobre a ABEn

2001 a 2004

Participação efetiva e massiva da enfermagem do interior do estado no SBEN-go
Incremento da participação de estudantes e professores das novas escolas de enfermagem
Inicio da participação da ABEN-Go no Comitê de Morte Materna em Goiânia
Continuidade da participação nos conselhão nos conselhos de Saude
Apoio aos trabalhos monograficos e outros sobre a ABEN
Participação na composição da diretoria da ABEN NACIONAL

FONTE 
SILVA, MA; TEIXEIRA, NEM; LIMA, GSC. 1948-2001: RSTROSPECTIVA HISTORIA DA ABEN G; in Rev  Bras Enfermagem v. 54 n.3 ABEN . 2001 p.511-516
Atas da ABEN-Go e falas dos membros da respectivas diretorias.